Loira indignada com ventríloquo


Partilhar:

Um ventríloquo está a fazer o seu número, com o seu boneco ao colo.
O tema do espectáculo incide maioritariamente sobre a piadas de loiras.

A dada altura, uma loira levanta-se no meio da audiência e começa a berrar:

– Já estou farta disto! Já ouvi piadas que cheguem a denegrir as loiras! O senhor é um idiota! O que é que o faz pensar que pode generalizar todas as mulheres dessa maneira? São homens como você que impedem que mulheres como nós sejam respeitadas! É por sua causa e por causa das pessoas da sua laia que esta discriminação se perpétua!

O ventríloquo fica embaraçado e tenta desculpar-se:
– Mas, minha senhora… isto é só um espectáculo…

Ao que a loira responde:
O senhor não se meta que eu não estou a falar consigo! Estou a falar com esse ordinário sentado ao seu colo!

Pai do Joãozinho e os TPC


Partilhar:

O pai que ajuda o Joãozinho a fazer os trabalhos de casa (tpc), confessa-lhe:
– Receio que, um dia, a professora dê conta de que sou eu quem te faz os exercícios de matemática!
Ao que o responde o filho:
– Não te preocupes, pai!
– Ela já descobriu, porque ontem disse-me que lhe parecia impossível eu dar tantos erros!

Anedota enviada por Johnny.

Postes rápidos


Partilhar:

Dois loucos no comboio:
– Já viste como os postes andam depressa?
E responde um deles:
– Vi… No regresso vimos de poste!

Anedota enviada por Vaca Galo.

Ricos tesos


Partilhar:

Pergunta:
Por que razão só os ricos compram viagra?
Resposta:
Porque os pobres não precisam… Estão sempre tesos!

Anedota enviada por Cão Galhão.

Milhões de espermatozóides


Partilhar:

Por que é que são necessários milhões de espermatozóides para fertilizar um único óvulo?
– Porque os espermatozóides são masculinos e negam-se a perguntar o caminho.

Anedota enviada por Joane.