O génio e a ponte


Partilhar:

O homem encontra uma lâmpada mágica, esfrega-a e de lá sai um génio que lhe diz:
- Concedo-te um desejo! O que queres?
- Bem… Eu moro nos Açores… E de vez em quando vou a Lisboa… Dava-me jeito uma ponte, para não ter que ir de avião… Pode ser?
O génio pensa um pouco e responde:
- Sabes, isso é um desejo um pouco complicado; fazer uma ponte requer perícia e consome muito material, já para não falar que essa em particular seria muito longa mesmo… Não queres pedir antes outra coisa?
- Bom… Já sei… Eu sempre quis compreender as mulheres. Pode ser antes isso?
O génio pensa um bocado e finalmente diz:
- Olha… A ponte de que falavas… Era com quantas faixas?

Vaca agitada


Partilhar:

Havia uma vaca que levava uma vida tão agitada, mas tão agitada, que em vez de dar leite, dava manteiga.

Anedota enviada por Oscar Alho.

Remédio para o marido ficar um touro


Partilhar:

Uma mulher chega apressada à farmácia e diz:
- Queria algo que ponha o meu marido como um touro!
E respondo o farmacêutico:
- Baixe as calças e dispa as cuecas!
- Para quê? – pergunta a mulher já exaltada.
- Vamos começar pelos cornos!

Anedota enviada por Amilcar Alhadas.

Anedota do prisioneiro maluco


Partilhar:

Um tipo vai para a cadeia. Ao fim de um mês já tinha arrancado três dentes, cortado um dedo fora na cozinha e, mais tarde, foi preciso extraírem-lhe o apêndice.
Diz um guarda para outro:
- É melhor vigiarmos este de perto… Acho que está a tentar fugir aos bocados.

Anedota enviada por Alfredo.

Restaurante


Partilhar:

Qual é o cúmulo da estupidez?
Um restaurante fechar para almoço.

Anedota enviada por Alfredo.

5 de 34« Início...345678...20...Fim »