Supositórios para o alentejano


Partilhar:

Um alentejano vai ao médico e este receita-lhe uns supositórios.
Passados uns dias o homem regressa à consulta e o médico pergunta-lhe:
– Então, como é que se tem dado?
– Ó dôtor… Aquilo custa-me é munto a engolir aquélas côsas…
– Engolir? Mas… Você toma-os pela boca?
– Atom vocemessê queria que os metesse onde? No cú, não?

Dador de sangue?


Partilhar:

No hospital, diz o médico:
– O senhor é o dador de sangue?
– Não, eu sou o da dor de cabeça!

5 de 512345