Mão branca, pai negro, filho japonês


Partilhar:

Imagino o “regabofe” que foi aquela noite… kkkk xD

filho japones

– Mãezinha, porque és branco, o pai é negro e eu sou meio japonês?
– Ah meu filho… Se soubesses a festa que houve naquele dia… Devias estar contente por não ladrares.»

Salário do branco é maior


Partilhar:

Havia uma obra qualquer, onde trabalhavam brancos e negros, e os negros começaram a reparar que os brancos tinham um ordenado superior ao deles.
Um deles resolveu ir tirar satisfações com o encarregado da obra:

– Oh patão, patão, nóis qui é preto ricebi menos dinheiro qui branco no fim di mêis po’quê?
Responde o patrão:

– Olha, vocês recebem menos porque os brancos são mais espertos!
– Eh, e branco é mais isperto como? – pergunta o negro.
Explica o encarregado de obra:

– Olha queres ver: (o encarregado põe a mão à frente da cara do preto e diz – Dá-me um murro na mão!
O preto dá um murro com quanta força tem, só que o encarregado tira a mão e o desgraçado esmurra a sua própria cara. Diz ele:
– Ai, porra é verdade, branco ser mais esperto que preto!
E vai-se embora ter com os colegas.

– Então Malaquias, tu falou com pat’ão?
Diz ele:
– Falou sim. Branco ganhar mais qui preto no fim di meis, porque branco ser mais esperto dentro da cabeça dele!
– Branco ser mais esperto como? – pergunta outro preto.
– Olha queres ver – e coloca a mão à frente da sua cara – Dá um murro na mão de eu…

Anedota enviada por Paco Nassa.

Negro a m*jar num poste


Partilhar:

Um negro estava a urinar num poste quando aparece uma velhinha.
– Seu sem-vergonha! – reclama ela. – Aqui é lugar para fazer essas coisas?
E responde o negro:
– Eu estava mesmo necessitado, dona!
E diz a velhota:
– Porque é que não faz naquela casa-de-banho pública, a menos de 20 metros daqui?!
E responde o preto:
– 20 metros?! Mas a senhora por acaso está a pensar que o meu pau é uma mangueira?

Anedota enviada por Paco Nassa.

Angolano no registo do filho


Partilhar:

Um angolano residente em Portugal quer registar o seu filho recém-nascido:
– Bô dia! Eu querer registar meu minino que nasceu otem.
– Muito bem. O seu filho nasceu ontem, é do sexo masculino… e qual é o nome?
– Marmequer Bicicreta. – respondeu o angolano
– Desculpe! Quer chamar ao seu filho Malmequer Bicicleta?!
– É.
– Desculpe, mas não posso aceitar esse nome. – diz o homem do registo.
– Não pode, porque tu é racista! Si meu minino fosse branco, tu punha.
– Não tem nada a ver com racismo. Esse não é um nome admitido em Portugal.
– Tu é racista. Si meu minino fosse branco, tu punha esse nome a ele. Tu não põe, porque meu minino é preto.
– Já lhe disse que não tem nada a ver com racismo. Malmequer Bicicleta não é nome de gente.
– Ai não! Então porque é que tu tem uma branca chamada Rosa Mota?

Anedota enviada por Pessegão.

Gato preto da tia


Partilhar:

Às vezes aprendemos mais com as crianças e este cartoons é uma boa prova disso.

gato preto titia

– Gato preto é “coisa do mal”, disse a titia! Daí eu fiquei com medo!
– É superstição filho, não precisa ficar com medo de gato.
– De gato eu sei, eu fiquei foi com medo da titia.

1 de 3123