Abra a boca, Luisinha!


Partilhar:

A Luisinha foi ao dentista! Quando chegou a sua vez o doutor disse:
– Oh, Luisinha, senta-te aí e abre a boca!
– Muito obrigada senhor doutor! – responde a Luisinha.
– Então porquê Luisinha? – pergunta o doutor.
– Porque em minha casa estão sempre a dizer-me “cala a boca, fecha a boca, cala a boca, fecha a boca, …”

Anedota enviada por Xibanga.

Família homossexual


Partilhar:

Um tipo fez análises durante cinco anos, até que descobriu que ele, o pai, o avô e os cinco tios tinham tendências homossexuais. O psicólogo estupefacto perguntou-lhe:
– Mas não há ninguém na sua família que goste de mulheres?
Ao que o tipo respondeu:
– Claro que há, as minhas quatro irmãs!!!

Anedota enviada por Sérgio Mota.

Paciente embriagado


Partilhar:

Vira-se o médico para um paciente um pouco embriagado:
-Não vejo nada de errado consigo. Julgo que é devido à bebida.
E diz o paciente a arrastar um pouco as palavras e a soluçar:
– Muito bem senhor doutor, eu volto cá noutro dia que o senhor doutor não tenha bebido!

Dar três por dia aos 89 anos


Partilhar:

Um senhor de 87 anos foi ao médico e ao ser atendido disse:
– Doutor, não sei o que anda a acontecer comigo, já não consigo fazer amor, não tenho erecção!
Ao que o médico respondeu:
– Meu caro senhor, isso na sua idade é mais do que normal.
– Mas como normal, doutor??? Eu tenho um primo de 89 anos que diz que dá 3 por dia!
Nada impressionado, responde o médico:
– Mas o senhor também pode dizer isso! As suas cordas vocais estão impecáveis!!!

Se a operação falhar?


Partilhar:

Um doente estava prestes a ser submetido a uma operação muito delicada:
– Mas senhor doutor, e se a operação falhar?
Cirurgião:
– Quanto a isso fique descansado homem!
Ao que responde o paciente:
– Tem a certeza, doutor?
E o cirurgiã:
– Claro! Se a operação falhar você nunca saberá! 😀

3 de 512345